Rubens Bueno recebe em Brasília novo embaixador do Japão

Vice-presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, o deputado federal Rubens Bueno (Cidadania-PR) recebeu nesta quarta-feira, em Brasília, o diplomata Teiji Hayashi, novo embaixador do Japão no Brasil. Os países tem um laço histórico de amizade e cooperação. Bueno aproveitou o encontro para se colocar a disposição para a construção de novas parcerias. Diplomata de carreira, antes de ser designado para liderar a missão japonesa em Brasília, Hayashi era ministro assistente do Escritório para América Latina e Caribe do Ministério das Relações Exteriores do Japão.

“O Paraná tem a segunda maior colônia japonesa no país. São imigrantes que chegaram ao estado no século passado e muito contribuem para nosso desenvolvimento. Novas parcerias sempre são bem vindas”, afirmou o deputado. Já o embaixador ressaltou que espera cooperar com o povo brasileiro para um maior desenvolvimento das relações entre os dois países

Os primeiros japoneses que pisaram em terras paranaenses foram o ministro plenipotenciário do Japão, Sadatsuchi Uchida, e o secretário e intérprete da delegação Japonesa, Arajiro Miura, que chegaram em dezembro de 1907. Eles foram ao Paraná para conhecer as terras do Estado.

Em 1913, em Cambará, na Fazenda dos Barbosa Ferraz, que cultivava 900 mil pés de café, colonos japoneses já trabalhavam. Em 1917, surgia um agrupamento de sitiantes batizado como Vila Japonesa e, em 1923, na zona urbana, havia armazém e empório de japoneses.

A primeira comunidade japonesa no Paraná foi a Colônia Cacatu, que fica na região litorânea, que surgiu em 1917. De lá para cá, nossos irmãos japoneses se espalharam por diversas cidades do estado. Com o cultivo do café, participaram da fundação de cidades como Campo Mourão, Londrina, Assaí, Rolândia, Arapongas, Uraí, Maringá, entre outras.

COMPARTILHAR

O site do Deputado Rubens Bueno utiliza cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência. Ao continuar navegando, você concorda com a utilização dessas tecnologias, como também, concorda com os termos da nossa Política de Privacidade.